Iole de Freitas (Belo Horizonte, 1945) é uma artista plástica brasileira que atua no campo de arte contemporânea. Iole iniciou sua carreira na década de 1970, participando de um grupo de artistas em Milão, Itália, ligado a Body art. Utilizava então a fotografia. Na década de 1980, ela retornou ao Brasil, mas abandonou o corpo humano como mediador de seu trabalho, adotando o “corpo da escultura”. A artista utiliza, para criar suas obras, materiais como arame, tela, aço, cobre, pedra e inclusive água. As obras de Iole de Freitas podem ser encontradas em vários lugares, tais como o Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul, o Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, o Museu de Arte Moderna de São Paulo, o Museu Nacional de Belas Artes e o Museu de Arte da Pampulha. Iole de Freitas diz que recebeu influência de Picasso, Cézanne, Degas e Tatlin.

Links