Victor Brecheret (Farnese, 15 de dezembro de 1894-São Paulo, 17 de dezembro de 1955(61 anos)) foi um escultor ítalo-brasileiro, considerado um dos mais importantes do país. É responsável pela introdução do modernismo na escultura brasileira. Sua figura ficou marcada pela boina que costumava vestir, ressaltando uma imagem tradicional do “artista”.

Nascido “Vittorio Breheret” (sem a letra ‘c’ no sobrenome) numa pequena localidade não distante de Roma, filho de Augusto Breheret e Paolina Nanni (vide assento de nascimento mais abaixo) , esta última falecida quando o pequeno Vittorio tinha apenas seis anos de idade. Foi abrigado pela família do tio materno, Enrico Nanni, e com sua família emigrou para o Brasil aos dez anos de idade.

No Brasil, tornou-se “Victor Brecheret” e já com mais de trinta anos de idade recorreu à Justiça para inscrever seu registro nascimento tardiamente no Registro Civil do Jardim América (bairro de São Paulo). Assim Brecheret consolidava a sua nacionalidade brasileira, embora tivesse nascido na Itália. Este tipo de “regularização” era muito comum entre imigrantes italianos na primeira metade do século XX no Brasil.

Links