Artista visual e fotografa, Catharina Suleiman nasceu em 1977 em Sao Paulo aonde vive e trabalha. Estudou artes visuais em Londres e Gravura em Cuba, especializada em fotografia alternativa e histórica ela se define como uma eterna pesquisadora.
Suas obras Mixed Media apresentam junto ou separadamente diversas técnicas como, xilogravura, aquarela, spray, stencil, construção, colagem, bordado, escultura, tipografia entre outras, todas com base em fotografias de sua autoria.
Trabalho citado pelo Wall Street international como “Thought provoking” (provocador de pensamentos).

“Uma vasta paisagem embebida em segredos e mistérios povoa a arte de Catharina Suleiman.
Através do seu olhar, o idioma do corpo humano salta aos olhos, desvelando formas, sentidos, gestos e apelos diversos da alma. Qualquer noção de obviedade é posta à margem. Importa saber do insondável, do algo além-matéria, perquirir os vãos e desvãos que abrigam o ser.
Por mais que tentemos tornar ao ponto inicial da viagem, a experiência de estar ali, frente às singulares vias de sugestão da artista, faz do retorno algo totalmente renovado, porém incerto. E falar disso não se resume a pensar que a tessitura de suas imagens reveste-se apenas dos dotes mais densos duma subjetividade que se requer marcante, mas sim a uma reprodução de certos horizontes quiçá inabitados pela superficialidade dos dias.
Nesse aspecto, estar no limiar das coisas é desfrutar o gosto impreciso das horas e sentir-se parte de uma existência que não busca respostas para seguir adiante.” – Fabricio Brandao