Da Zona Norte de São Paulo, iniciou seu trabalho ainda na adolescência espalhando lambe lambes. Passa para outras técnicas de street arte após conhecer artistas e galerias e se apaixonar pelo spray. Sua marca registrada é o preto e branco de seus personagens, desenhos descontraídos, sempre jogados num mundo de criatividade latente.

Aumentou seu leque artístico com a customização de objetos, móveis, louças, roupas, além de várias telas que já estamparam as paredes de diversas galerias e bares da cidade.

Links